Facebook Popup Widget



   Artigos

 Dicas de Poker no facebook Dicas de Poker no Twitter Clube Dicas de Poker

12/09/2009


Tornando-se Chip Leader
(por Marc Karam)


Faça isso desde o princípio


Nos torneios de poker, o impacto que a sorte tem em seu jogo é em regra diretamente proporcional ao montante de fichas que você tem na sua frente. Se tiver um grande estoque em relação aos blinds e antes, estará menos propenso a ser eliminado em uma única bad beat. No mesmo sentido, se você tiver mais fichas do que qualquer pessoa em sua mesa, torna-se literalmente impossível ser eliminado em uma única mão. Portanto, eu costumo dizer que é preciso estabelecer como meta tornar-se o chip leader desde o princípio. Não é fácil, mas existem várias estratégias que podem lhe ajudar a conseguir uma liderança no início e se manter assim até a mesa final.

Uma das questões sobre torneios que eu escuto com frequência é: "Eu devo jogar loose ou tight no começo de um torneio?" Supondo que você esteja jogando dentro de uma estrutura boa – um estoque inicial de pelo menos 100 big blinds – a resposta a essa pergunta é: "Sim". O que eu quero dizer é que você tem que fazer as duas coisas. Às vezes você joga tight e às vezes, loose. Mais especificamente, deve-se procurar oportunidades de acumular fichas e oportunidade de conservar fichas. O fator principal utilizado para distinguir se você deve acumular ou conservar é seu oponente.



O Dinheiro Morto

Quando você chegar à mesa, precisa imediatamente começar a analisar seus oponentes. Primeiro, procure o dinheiro morto, ou seja, jogadores que se encontram fora de sua zona de conforto. Em torneios ao vivo, eles geralmente são fáceis de serem localizados. Simplesmente demonstram desconforto ou parecem peixes fora d'água. Online, você pode utilizar várias ferramentas e websites para examinar o status de seus oponentes e, em particular, o valor do buy-in habitual deles. Procure os jogadores que estão "baralhando" e os que temem perder tudo nos primeiros níveis. Eles em geral são uma boa fonte de dinheiro fácil.

Quando você tiver identificado o dinheiro morto, seu dever é colocá-los em situações muito difíceis: reaumente em boa posição pré-flop. Se flopar um draw forte, brigue pelo pote e faça-os achar que o torneio deles está correndo perigo quase sempre que jogarem com você. Vença-os sem misericórdia, mas esteja preparado para descartar sua mão se achar que eles ganharão. Em geral, o dinheiro morto não vai jogar a não ser que tenha uma mão excepcional; eles simplesmente têm medo demais. Portanto, contra eles, martele, martele, martele e, se revidarem, saia de cena.



O Pagador

O próximo arquétipo que você precisa procurar é o pagador, jogadores que gostam de apenas pagar. Você os reconhecerá assim que o torneio começar, pois estarão em quase todos os potes e raramente irão aumentar.

Os pagadores representam outra oportunidade de acúmulo de fichas. Enquanto eles tiverem estoques bons, você deve tentar ver quantos flops for possível contra eles, com quase quaisquer duas cartas. Se flopar um par ou algo melhor, coloque pressão. Se não acertar nada, ou apenas um par fraco, desista rapidamente: conserve suas fichas. No mais, contra eles, jogue bastante loose pré-flop e muito tight no flop. E nunca é demais repetir isso: nunca, jamais, em tempo algum, blefe contra um pagador.



O Intimidador

Jogadores hiperagressivos podem ser particularmente perigosos. Eles são fáceis de se identificar, pois aumentam e reaumentam o tempo todo. Contra eles, é preciso encontrar oportunidades em que possa enfrentá-los ou pagar as apostas/aumentos deles.

Em condições normais, um intimidador desiste diante de uma aposta triplicada se não tiver uma mão de verdade. Portanto, procure situações em que ele possa estar aumentando com uma mão fraca e o derrote. Um bom exemplo é quando você aumenta do button e um intimidador volta reraise do big blind. Considere triplicar a aposta nessa posição com uma mão mais fraca do que o habitual – algo como A-9 ou mesmo K-Q do mesmo naipe.

Outra estratégia, no início, quando há muitas fichas em jogo e os potes são relativamente pequenos, é pagar o intimidador até o river com uma mão de dois pares, por exemplo, ou, em casos extremos, apenas um par e um ás como kicker. A idéia é fazer com que ele ache que você vai pagar e pense duas vezes antes de blefar.



O Profissional

O jogador mais perigoso em sua mesa será, de longe, o profissional. Ele estará confortável e focado, analisando os jogadores, e você pode reconhecê-lo da televisão ou de uma revista.

Não é preciso dizer que o profissional na sua mesa não é fonte de dinheiro fácil. Contra um profissional, o melhor é evitar quaisquer situações complicadas. Loose-calls pré-flop perdem todo seu valor, pois os profissionais não vão deixar barato. Intimidar profissionais é algo que não funciona, pois eles irão se impor. Portanto, enquanto houver outras fontes de fichas na mesa, tente evitar o profissional.

Se ele começar a perseguir você, comece a tratá-lo como um intimidador. Não deixe que ele lhe veja como um dinheiro morto.

Quando tiver uma mão legítima contra um profissional, jogue do modo mais previsível possível. Aposte com ela e não tente fazer moves. Os profissionais estão sempre procurando quem os está enganando, então disfarce sua mão jogando com ela de maneira bastante óbvia. Se eles estiverem prestando atenção em como você joga contra os outros oponentes, a probabilidade é que eles não irão lhe dar o crédito merecido.



Vários Adversários

Quando estiver com um pote com dois ou mais oponentes, você precisa evitar blefes fortes ou jogadas de efeito. Apenas aposte sua mão.



Sou o Chip Leader. E Agora?

Quando obtiver a liderança em fichas, você precisa mantê-la. Continue a pressionar todo mundo na mesa abrindo potes com raise ou voltando reraise em posição. Permaneça ativo, evitando calls ou jogando muito passivamente. Tente ganhar vários potes pequenos, evitando os grandes, a não ser que tenha uma grande mão. Faça com que todo mundo na mesa sinta que qualquer mão com você pode ser a última deles, e se parecerem dispostos a lhe enfrentar, saia do caminho deles.

Evite também perseguir os donos de estoques muito pequenos: o temível cenário em que ele "dobraria de graça", no qual seu oponente vai de all-in com muito pouco para justificar uma desistência de sua parte, deve ser evitado a todo custo. Prefira os estoques medianos: certifique-se de que eles têm fichas suficientes para desistir quando você apostar.


Conclusão

Tornar-se o líder em fichas depende de se fazer as jogadas certas contra os jogadores certos e sob as circunstâncias certas. Se você seguir as estratégias que delineei aqui, irá se tornar o chip leader rapidamente.


Artigo de Marc Karam, publicado na revista Card Player Brasil Ano I, N°. 11.




Gostou do artigo? Deixe seu comentário e compartilhe com seus amigos.