Facebook Popup Widget



   Artigos

 Dicas de Poker no facebook Dicas de Poker no Twitter Clube Dicas de Poker

02/04/2016


Princípios básicos de Sit-and-Go Parte 3: Short-Handed
(por Daniel Skolovy)


Na parte 2 desta série, discutimos o jogo nos blinds médios e largamos nosso padrão TAG para adotar um estilo mais loose-aggressive.

Agora, é hora de deixar esse estilo e adotar um hyper-aggressive.

É aqui que fica divertido. Agora o jogo será short-handed com quatro ou cinco jogadores restantes.

Todos na mesa provavelmente estarão com stacks pequenos, no sentido clássico da palavra. O stack médio será por volta de 12 BBs.

Isso quer dizer que todos estarão no sistema do push/fold.


Jogo post-flop sai de cena

Aqui é que você fará o seu lucro. O jogador de sit-and-go mediano joga esse estágio final tão mal que é até a ser engraçado.

Se você jogar esse estágio melhor do que eles, você apresentará uma expectativa de longo prazo positiva!

Neste estágio do jogo, o jogo post-flop sai de cena – flops são raramente vistos.

Você tem duas opções: push ou fold. E, por deus, você deve escolher o push.


Seu objetivo é vencer e não apenas entrar no dinheiro

Seu objetivo é vencer sit-and-go's. Você não quer apenas pegar uma fatia do prêmio.

Quando você tenta apenas entrar no dinheiro, você está jogando +EV fora.

Você deve ter o instinto assassino para atacar e destruir jogadores que estão felizes em apenas entrar no dinheiro ou subir um degrau na premiação.

No poker, se um jogador está jogando com medo, ele é explorável.

Todos querem chegar no dinheiro; ninguém está jogando para ser eliminado.

Você não é diferente.

Mas o seu objetivo é vencer. Assim, você deve estar de olho no longo prazo e tirar o curto prazo de sua mente.

Concentre-se em fazer boas jogadas na hora certa e esqueça dos resultados.

Se você fizer as jogadas corretas, o sucesso virá eventualmente.


Fique mais agressivo, não menos

Como você já sabe, geralmente os três primeiros jogadores de um sit-and-go recebem os prêmios. Assim, quando estiver entre quatro ou cinco jogadores, você está na bolha.

Com certeza haverá alguns short stacks pensando que, se jogarem ultra-tight, poderão chegar no dinheiro.

Eles estão errados. Você tem que ficar mais agressivo, não menos.

Quando o jogo está short-handed, os blinds já estarão muito altos. O stack médio será de apenas 12 BBs, o que significa que você estará perderdendo 10% do seu stack em cada órbita.

Quando o jogo está short-handed, as órbitas são velozes e furiosas, dizimando o seu stack. Você estará em melhor situação se entrar all-in sem olhar suas cartas do que permitir ser devorado pelos blinds.


Não seja engolido pelos blinds!

A ação é frenética agora e você deveria estar tentando roubar sempre que tiver oportunidade.

Se você sentir que os jogadores estão na esperança de apenas chegar no dinheiro, ataque os blinds deles – eles não defenderão.

Se você perceber que alguém está pagando all-ins demais, diminua a agressão contra esse jogador.

Não discutirei em detalhes quais mãos você deve entrar all-in. Discutirei, todavia, as situação que você deve procurar para entrar all-in.

Meu conselho seria este: nunca pague all-in na esperança de um coin flip.

Se você suspeita que está flipando, é melhor foldar e dar o push na próxima mão.

Confie na fold equity para suplementar o seu stack.

O valor de sua mão é apenas uma coisa em que você pode se apoiar em caso de levar um call.

Direi novamente: fold equity é mais importante do que o valor da mão!


Alguns exemplos:

O jogo está four-handed e os blinds estão $150/$300. Você tem um stack de $2.900.

O UTG vai all-in por $3.200. O botão folda. Você tem 6 6 no small blind.

Você? Fold.

Você está esperando um flip, no melhor dos casos. No pior dos casos, você está destruído.

Não há necessidade de pagar todas as suas fichas esperando por um flip.

Se você esperar para shovar uma mão por iniciativa própria, você se sairá melhor.


Agora vamos a outro exemplo:

O jogo está four-handed e os blinds estão $150/$300. Você tem um stack de $2.900.

Você é o UTG e shova A 8. O botão paga e os blinds foldam. O botão mostra 5 5.

Ok. Você se envolveu num flip. Estragou tudo, certo?

Errado.

Nessa situação, você shovou um bom Ás com menos de 10 BBs. Obviamente, você estava esperando por um fold.

Entretanto, o botão decidiu entrar numa corrida conosco. O resultado é bom.

O small blind e o big blind foldaram, adicionando $450 ao pote. Isso significa que o pote está nos dando odds melhores do que 1-1 para a nossa mão.

Mas isso não faz com que o call do par de cincos fosse correto também?

Sim, de um certo modo. Mas isso é ver a mão no vácuo, sem perceber o todo.

Você nem sempre mostrará A-8 aqui. Muitas vezes você terá um par que destruirá seu oponente.

E o mais importante, ele não tem fold equity. Ele só pode vencer a mão de um jeito: fazer a melhor mão.

Quando shovamos com A-7, nós podemos ganhar o pote com o fold de todos os jogadores ou ainda no showdown!


Um último exemplo:

O jogo está four-handed. Os blinds estão $150/$300.

Você tem um stack de $1.800 e todos os demais têm mais fichas que você. Você shova 8 9 do UTG.

O botão dá um snap-call com A K. Os blinds foldam.

Oh, não! Você foi pago por um monstro. Isso é terrível, certo?

Errado.

Você está atrás, aproximadamente, apenas 40-60 contra o A-K. E adivinha? A diferença no valor esperado é compensada pelas fichas dos blinds.

Assim, na realidade, você de jeito nenhum está numa ruim.

Duas cartas não pareadas são favoritas nessa porcentagem contra outras duas cartas não pareadas. Então não chore se você estiver numa "ruim" – você saberá que fez a jogada correta baseado na fold equity de sua mão.

Esse é o segredo dos estágios finais do sit-and-go. Ser o agressor.

O agressor tem duas maneiras de vencer, enquanto quem paga tem apenas uma.

Nunca permita ser engolido pelos blinds. Ser engolido pelos blinds significa que você desistiu do seu sit-and-go.

Pare de tentar apenas pegar uma fatia pequena do dinheiro e comece a shovar o seu caminho até o primeiro prêmio.




Tá certo, algumas vezes você precisar dar call

Embora ser o agressor seja o segredo para um final de jogo de qualidade, você não pode apenas dar fold em tudo quando não é o primeiro a entrar de raise.

Algumas vezes você terá que dar call.

Mas há algumas coisas para levar em consideração antes de decidir jogar passivamente e apenas dar call.

Obviamente, se você tem um monstro, não há discussão: apenas coloque suas fichas no meio e espere pelo melhor.

As situações as quais estou me referindo são aquelas situação marginais.

Você deve olhar o seu stack. Se você é o chip leader com 20+ BBs, obviamente você terá muito mais liberdade do que o cara que tem 7 BBs.

Se você não tem nenhum dinheiro investido no pote, então você deve estar menos disposto a dar call com suas fichas.

Na verdade, você nunca deve dar cold-call com suas fichas, exceto se suspeitar que é o favorito e esteja recebendo boas odds no seu dinheiro.


Outro exemplo:

O jogo está three-handed. Os blinds estão $200/$400.

Você está no big blind com $6.500 (depois de colocar o seu blind). O botão folda e o small blind shova $1.200 no total.

Você tem 8 9.

O que você faz? Call.

Você já tem $400 investido. Ele shova $1.200 no total.

Isso significa que tem $1.600 no pote e você deve pagar apenas mais $800. Você está recebendo 2-1 no seu call.

O jogador no small blind deve estar shovando quase com quaisquer duas cartas aqui.

Sua mão se sai muito bem contra o range dele e você está recebendo odds de 2-1 no seu dinheiro.

Você só está pior do que 2-1 se estiver contra pares maiores que as suas cartas, o que é altamente improvavél.

As probabilidades são de que você está entrando numa situação de 60-40.

Sem não há perigo de ser eliminado e você fizer essas apostas de 60-40 o dia inteiro com odds de 2-1, você ficará rico.


Outro exemplo:

O jogo está three-handed. Os blinds estão $200/$400.

Você está no big blind e tem $2.400. O botão folda e o small blind shova $3.000.

Você tem A T.

O que você deve fazer? Call.

Nessa situação, você deve pagar com todas as suas fichas. Sua mão simplesmente destrói o range do small blind.

Até mesmo jogadores tight shovarão a maioria dos ases nessa situação e sua mão é muito melhor que a média.

Eu recomendaria que você foldasse um ás baixo nessa situação, mas com um ás alto como A-T, você deve dar o call.

Embora eu recomende não dar call em minha estratégia geral, eu precisava escrever isso aqui.

Fico impressionado com jogadores que vejo foldando mãos com odds incríveis.

Como regra de bolso, se você está recebendo mais do que odds de 2-1, você deve ter um motivo muito bom para não dar call.

Na parte 4, concluiremos a série detalhando o jogo no heads-up.


Artigo originalmente publicado sob o título Sit-and-Go Essentials Part 3: Short-Handed, no site do PokerListings.

Traduzido por Marcelo Martins (SorrisoRS).




Gostou do artigo? Deixe seu comentário e compartilhe com seus amigos.