Facebook Popup Widget



   Artigos

 Dicas de Poker no facebook Dicas de Poker no Twitter Clube Dicas de Poker

22/10/2017


Como usar o float no flop (e levar o pote)
(por Nathan "BlackRain79" Williams)


Uma das melhores estratégias para vencer os Regs ruins nos jogos micro stakes de hoje é usar frequentemente o float no flop. Isso significa que você dará call na continuation bet (CBet) deles com a intenção de levar o pote numa próxima street.

Essa tem sido a minha maior fonte de lucro nos cash games de limites baixos nos últimos anos. E a razão disso é, na verdade, bem simples quando você pensa sobre o assunto.

Você não pode vencer no poker dando fold! Você simplesmente deve começar a levar mais potes dos Regs para ganhar bastante.

Ainda que existam muitas situações onde a melhor opção é definitivamente o fold (p. ex. quando você não tem nada de nada), haverá muitas outras situações onde o pote certamente é possível de ser ganho, conquanto você esteja disposto a lutar por ele um pouco mais.


Dois motivos para o float no flop

Há duas razões específicas para o float no flop:

  • Nós temos posição

  • Nós temos algum tipo de equidade (será explicado mais abaixo)


A grande sacada do float em cima dos Regs ruins nos limites baixos é que muitos deles ainda deixam levar os potes muito facilmente. É literalmente como tirar doce de um bebê às vezes.

O motivo disso é que você encontrará muitos Nits e TAGfish nos limites baixos, os quais têm um grande espaço entre as stats Flop CBet% e Turn Cbet%.

Isso significa, em português, que eles frequentemente dão um tiro no flop, mas desistem no turn quando o oponente ainda está resistindo na mão.

Quando eles desistem no turn com frequência, uma simples aposta é suficiente para levar o pote. Às vezes eles são tão previsíveis que a sua mão se torna quase irrelavamente.

Vejamos alguns exemplos:


Usando a posição para levar o pote de um TAGfish

Exemplo:

Vilão TAGfish aumenta em early position.

Você paga no botão com:


Flop:


Vilão dá Cbet.

Você deve dar CALL.


Nessa situação nós optamos pelo flat call em posição pre-flop contra um dos Regs mais fracos, o TAGfish.

É importante você abrir o seu calling range um pouco mais contra esses tipos de jogadores, especialmente quando você estiver em posição. Isso porque, novamente, você não pode vencer no poker dando fold o tempo todo!

Contra os Regs mais fracos, particularmente, sei que posso vencê-los suficientemente para obter lucro aqui. Se eu consigo acertar minha mão, isso é ótimo; porém, meu plano é tentar e conseguir levar o pote dele em várias situações, independentemente disso.

E essa é uma delas.

Nesse board seco, nós realmente não flopamos nada demais e nosso oponente fará a CBet grande parte das vezes. O que devemos fazer?

Bem, a jogada mais óbvia é simplesmente o fold. Não temos nenhum par ou draw e nosso oponente está mostrando agressividade. Porém, jogadores de elite sabem que há uma decisão mais lucrativa aqui, que é o float.

Veja, esse é o negócio:

Não podemos dar call pre-flop com uma mão desse tipo e simplesmente desistir toda vez que não acertarmos um par ou um bom draw. Essa é uma estratégia perdedora, uma vez que nós não floparemos essas mãos com tanta frequência, mas nosso oponente irá frequentemente dar CBet.

Assim, nós termos que continuar em alguns boards nos quais conseguimos pegar algum pedaço dele. E nós, de fato, temos um pouco de equidade nessa mão. Temos um backdoor flush draw para o nuts e duas overcards.

Outro motivo pelo qual eu farei o float nesse board é porque é muito pouco provável que nosso oponente tenha conectado com ele de maneira relevante.

Um Reg tight como esse, que abriu em early position, tem um range consistente em basicamente pocket pairs, broadways e grandes ases. Muito poucas dessas mãos conectarão com esse board de maneira significativa.

E talvez o ponto mais importante de todos. O que os jogadores fracos como esse fazem no turn quando nós pagamos e eles não têm nada?

Isso mesmo, eles desistem.

Mesmo quando eles atiram novamente no turn, há várias maneiras de levar o pote depois, tais como o double floating, semi-bluff raise no turn e bluff no river.

Como estamos em posição nessa mão (o que é a grande, grande chave, por sinal), isso faz com que todas essas outras linhas de ataque sejam tomadas de forma bem mais fácil.

Se você quer dar uma guinada nos seus ganhos nos limites baixos, mãos como essa são literalmente o seu ponto de partida. Ganhar mais em cada um desses pequenos potes que ninguém realmente quer lutar é o coração do poker de nível superior.

Esta é uma situação muito favorável para vencer, em posição, um Reg fraco com algum backdoor de equidade. Comece a levar alguns potes como esse, ao invés de apenas dar fold como todo mundo, e veja a sua winrate subir às alturas.


Vencendo um Nit nos blinds

Exemplo:

Vilão Nit aumenta do botão.

Você paga do big blind com:


Flop:


Você dá check.

Vilão vem no CBet.

Você deve dar CALL ou RAISE.


Vejamos outra situação aqui contra um Reg fraco (Nit), mas desta vez estamos fora de posição. Float quando não temos posição na mão é definitivamente um pouco mais difícil.

Isso porque não podemos apenas esperar que eles desistam no turn e fazer uma aposta fácil para levar o pote.

Ao invés disso, nós precisamos agir primeiro, o que significa que não temos nenhuma informação se eles estão desistindo desta vez ou se eles realmente têm alguma coisa boa.

Enquanto isso é definitivamente ruim, ainda temos que lutar por alguns potes quando estamos fora de posição. Caso contrário, é melhor apenas dar fold pre-flop com mãos especulativas como essa.

Contudo, essa é outra situação em que podemos vencer. Embora não tenhamos flopado um par ou um draw forte, nós pegamos um pequeno pedaço.

Temos uma broca para a sequência nut, um backdoor flush draw e duas overcards. Isso nos dá uma boa equidade mesmo se nosso oponente tenha alguma coisa forte como um top pair.



E lembre-se que este é o pior cenário (p. ex. o topo do range do oponente). Mesmo assim, ainda temos quase 42% de equidade no pote!

Portanto, no mínimo eu darei call nessa CBet no flop. Quando você está fora de posição, como aqui, também é uma boa ideia mixar alguns flops com um check/raise de vez em quando.

Como o float é um pouco mais difícil fora de posição, essa linha permite tentar e levar o porte agora mesmo, ou pelo menos retomar a ação como agressor.

Independentemente de qual linha de ataque escolhermos, também há vários caminhos para a vitória no turn. Nós continuaremos com várias cartas diferentes que melhoram nossa equidade.

No caso:

  • Qualquer espadas (9 cartas)

  • Qualquer 8 (4 cartas)

  • Qualquer J (3 cartas)

  • Qualquer T (3 cartas)


Isso dá 19 cartas, o que é quase metade das cartas restantes no baralho. Isso significa que nós daremos float novamente ou pressionaremos no turn cerca de 50% das vezes.

Será muito difícil para um Reg fraco como esse continuar, a não ser que ele realmente tenha uma mão forte.

Forçar os Regs ruins a situações desconfortáveis como essa é o coração do que deve ser o poker vencedor nesses limites. Eles simplesmente não estão dispostos a partir para a guerra com muita frequência.

Sendo assim, podemos tirar vantagem disso usando o float e fazendo jogadas agressivas no pote quando flopamos qualquer tipo de equidade razoável.





Float
contra um Regular Loose-AggressiveBlind vs Blind

Exemplo:

Vilão LAG aumenta do small blind.

Você paga do big blind com:


Flop:


Vilão LAG vem no CBet.

Você deve dar CALL.


Contra os Regs bons, você também deve usar o float muito mais vezes nos dias de hoje. E mesmo que esperemos que eles sigam aplicando pressão no turn com frequência, nós precisamos nos envolver ou corremos o risco de sermos superados.

Nós pagamos pre-flop aqui com uma mão que não é particularmente excepcional e também não joga muito bem depois do flop. Entretanto, ela está muito à frente do range do nosso oponente e, é claro, temos aquela coisa maravilhosa chamada posição.

Num confronto de blind vs blind como esse, você pode esperar que um Reg agressivo aumente com um range tão amplo quanto 30%, 40% ou às vezes até maior.

Veja aqui como nossa mão se sai contra um range de 35%:



Muitos Regs nos limites baixos aumentam bastante light quando roda em fold até eles no small blind porque eles sabem que só tem uma pessoa para eles vencerem. E muitas pessoas ainda entregam os seus big blinds muito facilmente.

Esse é o motivo pelo qual você deve defender o seu big blind com um range amplo numa situação como essa. Todavia, você não deve apenas dar 3Bet todas as vezes, pois um jogador como esse, que pensa, simplesmente começará a fazer 4Bet que nem louco em cima de você. Portanto, é importante mixar com alguns flat calls também.

Nesse board extremamente seco e pareado, precisamos usar o float novamente. Um jogador agressivo como esse vai dar CBet com quase todo o range dele nesse board. E não tem jeito dele conectar com frequência.

Também poderíamos considerar o raise aqui. Mas o problema com essa linha é que nós representamos muito pouca coisa num board desse tipo.

E um jogador realmente esperto pode se dar conta disso e aplicar um bluff/reraise em cima de nós, forçando-nos a foldar. Assim, essa é uma situação perfeita para um float e tentar levar o pote nas streets seguintes.

E sim, mesmo que esperemos levar frequentemente outro barril no turn de jogadores como esse, ainda haverá muitas formas de vencermos o pote.

O ponto aqui é que você precisa começar a lutar por mais potes contra os Regs bons também. O float no flop com um range amplo em posição é um dos melhores lugares para começar.


Considerações finais

Usar o float no flop e tentar levar o pote no turn ou river é literalmente uma mudança de jogo nos micro stakes atualmente. Os melhores jogadores estão abusando exageradamente dos Regs fracos com essa simples jogada.

Você deve realmente focar nos jogadores com um grande espaço entre as stats Flop CBet% e Turn Cbet%. Quase sempre serão os tipos de jogadores Nit e TAGfish.

É importante o float também contra os melhores Regs com mais frequência, como discutimos no último exemplo de mão. Isso porque, uma vez mais, você não vence no poker dando fold!

Toda a discussão de estratégia (e os exemplos de mãos) deste artigo foi retirada de uma amostra de capítulo do meu novo livro de poker – The Micro Stakes Playbook.

No livro, você aprenderá todas as estratégias para explorar cada tipo de jogador nos atuais jogos de poker micro stakes.

Você também aprenderá várias jogadas simples como essa que eu venho usando para detonar esses jogos por uma das mais altas winrates na história do poker online.


Artigo originalmente publicado sob o título How to Float the Flop (And Take Away The Pot), no site BlackRain79.com.

Traduzido por Marcelo Martins (SorrisoRS).


Veja também: Como ser um Bully




Gostou do artigo? Deixe seu comentário e compartilhe com seus amigos.